All for Joomla All for Webmasters

Como a nova lei trabalhista influencia no Marketing Medico

Você sabe como a nova lei trabalhista influencia no Marketing Médico?

Num post anterior comentamos como a crise afetou o setor de saúde, mudando muito o perfil dos clientes que procuram por MARKETING MÉDICO.

Porém, uma mudança que pouca gente percebeu são as novas regras para os trabalhadores.

Hoje é cada vez mais difícil manter o emprego. É necessário inovação, motivação, e ainda sim, muitas vezes o funcionário termina desempregado.

No Brasil são 13 milhões de pessoas desempregadas e muitas delas com ótimos currículos.

Quem está empregado sabe que pode perder o emprego para uma pessoa mais qualificada.

A nova lei trabalhista deu mais poderes para as empresas, não cabe aqui discutir se é bom ou não, esse não é ponto, mas sim o que muda para quem deseja agendar uma consulta médica.

O BÔNUS PELA ASSIDUIDADE

É crescente o número de empresas que oferecem aos funcionários um bônus por assiduidade. Por exemplo um extra no final do mês para o funcionário que não faltar: essa estratégia funciona muito bem e consegue reduzir o número de faltas justificadas em até 75%!

O bônus dos  funcionários varia de R$ 200, 300, 400… Depende do salário. Acontece que se você ganha um bônus deste uma vez, no próximo você já considera como parte do  seu salário, é inevitável a soma deste valor, e a sensação óbvia que você está ganhando mais.

Nesse sentido as pessoas pensam muito, mas muito antes de faltar ao trabalho, só em último caso e fazem o máximo para ainda sim conseguir chegar, mesmo que atrasado!

Eu fiz consultoria para empresas que qualquer falta tem desconto no valor do bônus, mesmo uma falta para ir ao médico. Como o bônus não faz parte do salário a empresa pode descontar, e a NOVA LEI TRABALHISTA prevê essa conduta e dá pleno direito ao empregador.

A COPARTICIPAÇÃO É OUTRO FATOR IMPORTANTE

Os planos de saúde empresariais cobram um percentual por realização de consultas, exames e procedimentos. Assim os usuários estão mais criteriosos sobre como usar o plano de saúde, aquele médico que pede vários exames já não é mais tão admirado como antes.

É cada vez mais comum os nossos clientes (médicos) pedirem ajuda para criar algum conteúdo que explique a importância da realização dos exames! Os pacientes estão questionando os médicos com perguntas como porque tantos exames? Afinal, eles não querem ter de pagar um percentual sobre o valor final.

Antigamente era muito comum o paciente ir no médico e pedir para realizar muitos exames. Certa vez um médico contou uma situação curiosa: “Hoje recebi uma paciente, que pediu um Raio x Do corpo todo, ela queria ter exames de todo o corpo, para saber se tudo estava realmente bem”.

Este tipo de conduta está cada vez mais incomum nos consultórios pois os pacientes querem reduzir seus custos com os planos de saúde também.

O MEDO DE PERDER O EMPREGO TEM PESADO NA ESCOLHA DOS PACIENTES

A instabilidade no emprego é uma situação que dificulta os pacientes a acessarem os serviços de saúde, certo dia um amigo me disse que estava há dias precisando marcar um médico, mas ele não queria faltar, estava há poucos meses no novo emprego e ficou semanas com um problema de pressão alta, porque não queria correr o risco de faltar e perder pontos com o gerente dele.

São situações assim que tem afastado algumas pessoas dos consultórios, evidente que ele marcou uma consulta depois, mas ao escolher o médico ele foi muito criterioso, pois não poderia ficar marcando horário com muitos médicos para ver qual tinha o melhor diagnóstico.

A ERA DE AGENDAR VÁRIAS CONSULTAS PARA OPINIÕES DIFERENTES ACABOU

Antigamente era comum o paciente ir em vários médicos para ter uma opinião diferente, e escolher com qual iria se tratar. O perfil do paciente mudou, agora ele precisa ser mais assertivo com qual médico irá agendar sua consulta, pois há muita coisa em jogo!

O MARKETING MÉDICO É UM PRÉ ATENDIMENTO

O marketing médico visa convencer o paciente antes mesmo de agendar a consulta. O médico dá argumentos convincentes e verdadeiros que influenciam na decisão do usuário de plano de saúde, aumentando sua segurança e confiança na clínica ou profissional que ele está marcando sua consulta.

É preciso reduzir a ansiedade do paciente através de uma boa comunicação, já que ao ir numa consulta muitas vezes a pessoa terá outros custos envolvidos, sobretudo com seu emprego.

About the author

Leave a Reply

Contato

Curitiba - Paraná
(41) 3158-1042
contato@marketingdoctor.com.br

Cases

Últimos Comentários